Como turbinar a sua recolocação profissional

O mercado de trabalho sofreu transformações ao longo dos anos. A principal delas é que vamos viver mais e, consequentemente, vamos trabalhar mais. Como todos sabemos, atualmente, muitas corporações estão demitindo e, se você não está desempregado, comece a cogitar a situação. Lidar com a demissão nem sempre é fácil. Ser demitido não significa não ter contribuído com a empresa ou ainda que não possui competência para trabalhar. É hora de arregaçar as mangas e começar a definir seus objetivos na busca de uma nova oportunidade de trabalho.

As empresas, cada vez mais, buscam profissionais que atuem de forma próxima aos seus valores e objetivos. Sendo assim, você precisa se reinventar. A recolocação rápida acontecerá na medida em que você estiver apto a oferecer o que o mercado deseja. Não basta apenas ter um currículo excelente - é preciso compreender a conexão do mercado. É preciso, muitas vezes, mais qualificação e, mais que isso, manter o relacionamento com pessoas que fazem parte das suas relações profissionais, o famoso e eficiente networking.

Mas como ganhar visibilidade perante tamanha concorrência? Será que você é a pessoa certa, para a vaga certa? Temos hoje vários questionamentos quanto à recolocação no mercado de trabalho. O seu posicionamento para uma recolocação mais rápida deve estar pautado em planejamento e manter a mente aberta quanto às novas formas de busca por emprego. A rede de contatos Linkedin, por exemplo, cujo o foco é manter as relações corporativas e os contatos de trabalho, é considerada pelas empresas uma fonte forte das suas buscas por profissionais certos para vagas certas.

Defina bem seu perfil profissional, tanto ao preencher o cadastro de vaga, quanto numa rede social: isso possibilitará uma maior visibilidade, visto que os recrutadores de várias corporações buscam por profissionais em constante conexão e preocupados com seu perfil profissional. Se você, infelizmente, está desempregado, não continue fazendo o que sempre fez. Perceba as oportunidades, defina suas tarefas, reorganize seu tempo e aprimore sua técnica enquanto profissional. Isso significa ter autonomia na busca por um novo emprego. Neste processo de recolocação, a sua atitude é rever a sua conformidade quanto ao seu empenho.

Procure um propósito, deseje atuar em algo que permita mostrar a sua excelência como oxigênio da sua alma. Lembre-se do ditado “quem gosta do que faz não vai trabalhar nunca” e busque algo que realmente goste de fazer.

Então, em algum ponto das nossas vidas, a questão é ter persistência e dedicação. O seu trabalho, no momento da recolocação, é buscar pelo emprego.


Fonte: Administradores